FUNORTE FACULDADES DE JANAÚBA

PREFEITURA DE VERDELÂNDIA PROPÕE AUMENTO DE 12,84% NO SALÁRIO DOS SERVIDORES DO MAGISTÉRIO QUE RECEBEM PELO FUNDEB

  • Concessão do aumento depende de aprovação pela Câmara de Vereadores para que seja incorporado à folha de janeiro a ser quitada provavelmente ainda nesta semana 
  • Profissionais da Educação da Prefeitura de Verdelândia tiveram reajuste salarial de 30,15% no segundo semestre do ano passado 
VERDELÂNDIA (por Oliveira Júnior) – O prefeito de Verdelândia encaminhou à Câmara Municipal o Projeto de Lei que dispõe sobre a concessão de reajuste no salário base dos profissionais do magistério da rede municipal de Educação. O reajuste será de 12,84% incidente sobre o salário base dos servidores da educação básica em conformidade com o Fundeb (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação).
O aumento é retroativo a janeiro, no entanto é preciso que os vereadores aprovem o mais breve possível o projeto de lei com o intuito de que esse reajuste de 12,84% esteja inserido já na folha de janeiro com previsão a ser quitada ainda nesta semana.
“Destaca-se que, essa gestão municipal, conseguiu realizar diversos ajustes econômicos e financeiros, fato que permite a manutenção do poder de compra dos salários mensais dos servidores, levando em consideração a data base fixada em lei, em consonância estão os profissionais do magistério que recebem suas remunerações através do recurso do Fundeb”, expressa a mensagem da prefeitura aos vereadores.
No segundo semestre do ano passado a atual administração concedeu um reajuste de 30,15% no salário dos profissionais da Educação corrigindo uma defasagem acumulada há muito tempo.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

COLISÃO FATAL ENTRE ÔNIBUS E CAMINHÃO NA BR-122, EM JANAÚBA: UMA PESSOA MORRE POR TRAUMATISMO CRANIOENCEFÁLICO

COLISÃO ENTRE ÔNIBUS E CARRO NA BR-122; HÁ ÓBITOS E VÍTIMAS FERIDAS: ENTRE CAPITÃO ENÉAS E A BR-251

GOVERNADOR ANUNCIOU NESTE SÁBADO A INCLUSÃO DO NORTE DE MINAS NA “ONDA ROXA”: AÇÃO CONTRA A COVID