FUNORTE FACULDADES DE JANAÚBA

MORADORAS REZAM, MOLHAM O CRUZEIRO E PEDEM PELA CHUVA: VILA NOVA DOS POÇÕES, DISTRITO DE JANAÚBA, NOVEMBRO DE 2019

Foto reprodução rede social
Moradoras do distrito de Vila Nova dos Poções, em Janaúba, realizam penitência em novembro de 2019 para que chova e afaste o drama da seca.

JANAÚBA (por Oliveira Júnior) – Mesmo com dificuldade em se locomover, uma idosa usou o par de muletas para acompanhar as amigas no momento de reflexão de caminhar no clamor pela chuva para amenizar o forte de calor que assola Janaúba e o Norte de Minas. A penitência foi nessa segunda semana de novembro de 2019 no distrito de Vila Nova dos Poções.
Imagem rede social
Moradoras do distrito de Vila Nova dos Poções, em Janaúba, realizam penitência em novembro de 2019 para que chova e afaste o drama da seca.

Com garrafas com água e ao som de cantos católicos, as moradoras saíram de uma residência até ao cruzeiro em frente à construção de uma igreja. “Bendita e louvada seja no céu a divina luz!  E nós também, cá na terra, louvemos a Santa Cruz! ”, expressão de uma música religiosa foi cantada ao durante a penitência.
Mesmo sendo numa pequena distância, o ato dessas mulheres, a maioria idosas, mostra a resistência do povo gorutubano e norte-mineiro quanto à seca, assim como demonstra a esperança de que esse drama da escassez de água possa ser, momentaneamente, amenizado com as chuvas.
Após a concentração na residência de uma das participantes, as moradoras foram rezar e pediam a intercessão divina para conter o forte calor e a falta de água para a lavoura e até o consumo da população. Ao chegar em frente ao templo, as rezadeiras jogaram água na cruz pedindo por chuva nesse extremo norte de Minas Gerais.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

COLISÃO FATAL ENTRE ÔNIBUS E CAMINHÃO NA BR-122, EM JANAÚBA: UMA PESSOA MORRE POR TRAUMATISMO CRANIOENCEFÁLICO

COLISÃO ENTRE ÔNIBUS E CARRO NA BR-122; HÁ ÓBITOS E VÍTIMAS FERIDAS: ENTRE CAPITÃO ENÉAS E A BR-251

GOVERNADOR ANUNCIOU NESTE SÁBADO A INCLUSÃO DO NORTE DE MINAS NA “ONDA ROXA”: AÇÃO CONTRA A COVID